01 dezembro 2016

COLÔMBIA PLANEJA CARAVANA FÚNEBRE NO TRANSPORTE FÚNEBRE ATÉ AEROPORTO

Antes de os corpos seguirem para o Brasil, o Governo colombiano fará uma caravana fúnebre a caminho do aeroporto. A intenção é homenagear as vítimas antes do transporte de volta rumo ao Brasil. A informação está em comunicado divulgado nesta quinta-feira.
A decisão, porém, ainda depende de trâmites burocráticos. Se for confirmada, serão 64 carros com distintivos da Chapecoense rumo à base da Força Aérea da Colômbia.Três aviões da FAB aguardam ordens em Manaus para se deslocarem a Medellín. Eles farão o transporte de volta ao Brasil.
caixões Chapecoense bandeira translado tragédia (Foto: Reuters)Caixões ganharam bandeira da Chapecoense (Foto: Reuters)
O procedimento de translado dos corpos da Colômbia para o Brasil pode ocorrer depois do inicialmente previsto. Segundo o representante das cinco funerárias que preparam os corpos, o mais provável é que o transporte ocorra por volta das 11h (de Brasília) desta sexta-feira.
IML Medellín Chapecoense (Foto: Leonardo Lourenço)Corpos, aos poucos, serão liberados do IML (Foto: Leonardo Lourenço)
- Estamos fazendo o humanamente possível para que os corpos sejam preparados rapidamente, mas não é um procedimento simples. O plano A é que o translado ocorra às 22h locais desta quinta-feira (1h de sexta em Brasília). Mas eu acredito que o mais provável é o plano B: o transporte ocorra às 8h de sexta-feira (hora da Colômbia) - explicou Jorge Escobar Urrego - representante das funerárias, em entrevista coletiva.
Funerária arruma caixões para as vítimas da tragédia com a Chapecoense em Medellín (Foto: Reuters)Funerária arruma caixões para as vítimas da tragédia com a Chapecoense em Medellín (Foto: Reuters)

30 novembro 2016

CÂMARA APROVA PROJETO ANTICORRUPÇÃO E INCLUI PUNIÇÃO PARA JUIZES E MP


Parecer da comissão sofreu várias mudanças; texto segue para o Senado.
Das 10 medidas originais, apenas 4 foram mantidas, com modificações.

Fernanda CalgaroDo G1, em Brasília

Após mais de sete horas de sessão, a Câmara dos Deputados concluiu na madrugada desta quarta-feira (30) a votação do pacote que reúne um conjunto de medidas de combate à corrupção. O texto segue agora para o Senado.
Ao longo da madrugada, os deputados aprovaram diversas modificações ao texto que saiu da comissão especial e incluíram temas polêmicos, como a punição de juízes e membros do Ministério Público por crime de responsabilidade. Essa previsão havia sido incluída pelo relator do texto, deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), mas retirada pelo próprio relator posteriormente.
A emenda foi apresentada pela bancada do PDT e lista as situações em que juízes e promotores poderão ser processados, com pena de seis meses a dois anos de reclusão. A legislação atual já prevê o crime de abuso de autoridade, mas é mais genérica.
Entre as condutas que passariam a ser crime estariam a atuação dos magistrados com motivação político-partidária e a apresentação pelo MP de ação de improbidade administrativa contra agente público "de maneira temerária". Nesse caso, além de prisão, os promotores também estariam sujeitos a indenizar o denunciado por danos materiais e morais ou à imagem que tiver provocado.
Os deputados também rejeitaram a proposta que previa que os acordos de leniência (espécie de delação premiada em que empresas reconhecem crimes em troca de redução de punição) fossem celebrados pelo Ministério Público.
Outro trecho retirado tornava crime o enriquecimento ilícito de funcionários públicos e previa o confisco dos bens relacionados ao crime.
A criminalização do caixa dois (doação de campanha não declarada à Justiça Eleitoral), que foi centro de polêmica nos últimos dias, foi aprovada sem qualquer tipo de anistia para eleições anteriores. Pelo texto aprovado, a prática passa a ser condenada com pena de dois a cinco anos de prisão e multa.
O caixa dois praticado em eleições passadas continuará sendo enquadrado na legislação eleitoral de hoje. Em tese, quem tiver recebido dinheiro eleitoral ilegal pode responder por crimes como falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.
Texto original
O texto original do pacote anticorrupção tinha dez medidas e foi apresentado pelo Ministério Público Federal com o apoio de mais de 2 milhões de assinaturas de cidadãos.
Na comissão especial que analisou o tema, porém, uma parte delas foi desmembrada e outras, incorporadas no parecer do relator Onyx Lorenzoni. As discussões foram acompanhadas pelo Ministério Público, que deu o seu aval ao texto construído.
No entanto, no plenário da Câmara, diversos itens acabaram sendo retirados do parecer e, das dez medidas originais, apenas quatro passaram, sendo que parcialmente.
Segundo o relator, acabaram ficando as medidas de transparência a serem adotadas por tribunais, a criminalização do caixa dois, o agravamento de penas para corrupção e a limitação do uso de recursos com o fim de atrasar processos.
Bastante criticado, Lorenzoni chegou a ser vaiado em alguns momentos da sessão quando fazia a defesa de pontos do seu parecer.
Um dos itens mais caros ao relator que ficaram de fora previa a criação da figura do “reportante do bem” para incentivar o cidadão a denunciar crimes de corrupção em qualquer órgão, público ou não. Como estímulo, o texto dele previa o pagamento de recompensa em dinheiro para quem fizesse isso.
Também foram derrubadas as mudanças para dificultar a ocorrência da prescrição de penas, que é quando o processo não pode seguir adiante porque a Justiça não conseguiu conclui-lo em tempo hábil.
Com o objetivo de recuperar o lucro do crime, o texto previa o chamado “confisco alargado”, em casos como o de crime organizado e corrupção para que o criminoso não tivesse mais acesso ao produto do crime para que não continuasse a delinquir e também para que não usufruísse do produto do crime. Esta proposta, porém, foi rejeitada.
Outro ponto que não passou foi o que permitia a realização de acordos entre defesa e acusação no caso de crimes menos graves, com uma definição de pena a ser homologada pela Justiça. O objetivo era tentar simplificar os processos.
O plenário rejeitou pontos do relatório que previam a responsabilização dos partidos políticos e a suspensão do registro da legenda por crime grave.
Após a sessão, o deputado Onyx Lorenzoni lamentou o resultado e disse que os parlamentares agiram movidos "por sede de vingança" contra o Ministério Público e o Judiciário. Para ele, houve uma "desconfiguração completa do relatório".
"O parecer não era meu, era da sociedade brasileira que tinha depositado as suas esperanças na Câmara dos Deputados. Lamentavelmente, o que a gente viu aqui foi uma desconfiguração completa do relatório, ficando de pé, objetivamente, apenas as medidas de estatísticas e a criminalização do caixa dois. E trouxeram essa famigerada situação de ameaça, de cala-boca, de agressão ao trabalho dos investigadores brasileiros. Creio que a Câmara perdeu a chance de prestar um serviço ao Brasil. E, movidos por uma sede de vingança contra o MP e contra o Judiciário, acho que começaram uma crise institucional que deve se agravr nos próximos meses", disse Lorenzoni.
Na saída do plenário, ao ser questionado por jornalistas sobre a votação, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), limitou-se a dizer que a votação foi o "resultado democrático do plenário".
Veja abaixo alguns dos pontos do pacote aprovado pela Câmara:
- Responsabilização dos partidos políticos e tipificação do caixa dois eleitoral
Os candidatos que receberem ou usarem doações que não tiverem sido declaradas à Justiça eleitoral irão responder pelo crime de caixa dois, com pena de dois a cinco anos de prisão. O texto prevê multas para os partidos políticos.
Se os recursos forem provenientes de fontes vedadas pela legislação eleitoral ou partidária, a pena é aumentada de um terço.
- Crime de responsabilidade a juízes e membros do Ministério Público
Entre as condutas que passariam a ser crime estariam a atuação dos magistrados com motivação político-partidária e a apresentação pelo MP de ação de improbidade administrativa contra agente público "de maneira temerária". Nesse caso, além de prisão, os promotores também estariam sujeitos a indenizar o denunciado por danos materiais e morais ou à imagem que tiver provocado.
A pena prevista no texto aprovado é de seis meses a dois anos de reclusão.
- Prevenção à corrupção, transparência
Os tribunais terão que divulgar informações sobre o tempo de tramitação de processos com o propósito de agilizar os procedimentos.
- Aumento das penas e inserção de tipos na Lei de Crimes Hediondos
Eleva a pena para diversos crimes, incluindo estelionato, corrupção passiva e corrupção ativa. Esses delitos serão considerados hediondos quando a vantagem ou prejuízo para a administração pública for igual ou superior a dez mil salários mínimos vigentes à época do fato.
- Ações populares
Reforça as regras para a apresentação de ações populares, que já está prevista na legislação brasileira. O texto especifica que, se a ação for julgada procedente, o autor da ação terá direito a retribuição de 10% a 20% a ser paga pelo réu.
- Recursos
Estabelece regras para limitar o uso de recursos com o fim de atrasar processos.

29 novembro 2016

ACIDENTE AÉREO COM AVIÃO QUE TRANSPORTAVA A EQUIPE DA CHAPECOENSE, TEM SOBREVIVENTES.


https://scontent.fsdu8-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-0/p526x296/15181296_1348968855136783_4775873979281497209_n.jpg?oh=af02a40587f3cbcee245a60815c210b6&oe=58B348C6 


O voo com a equipe da Chapecoense , que iria disputar o primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional, sofreu o acidente nesta terça-feira no Cerro El Gordo, próximo ao aeroporto internacional de Medellín, na Colômbia. No local da queda, há muito mato e as buscas também foram dificultadas por causa da chuva na região.
 O relato até agora entre os desencontros, é que o total de pessoas dentro do avião que saíram de São Paulo com destino a Colômbia, eram de 81 pessoas ou seja, 72 passageiros e 9 tripulantes. Assim somam 75 mortes e 6 sobreviventes.
Da Equipe de Chapecó eram 22 jogadores, as vítimas do elenco são o goleiro Danilo; os laterais Giménez, Dener e Caramelo; os zagueiros Marcelo, Filipe Machado e Thiego; os meio-campistas Josimar, Gil, Sérgio Manoel, Matheus Biteco, Cleber Santana e Arthur Maia; e os atacantes Kempes, Ananias, Lucas Gomes, Tiaguinho, Bruno Rangel e Canela. (confirmado oficialmente 3 sobreviventes). Eram 04, mas o goleiro Danilo (herói da classificação para a final) faleceu no hospital.
http://s2.glbimg.com/fBSUSOGXzrXddcrWZU53A6v1dDg=/0x46:707x528/690x470/s.glbimg.com/es/ge/f/original/2016/11/29/chapecoense4.jpghttps://scontent.fsdu8-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/15179056_1349126895120979_2361283901784048416_n.jpg?oh=ae424f1d042ca8c5cfee4c24ae21cba7&oe=58CB73F4
A informação oficial da Aeronáutica da Colômbia é que sobreviveram 02 tripulantes, 03 jogadores e 01 jornalista. Entre os jornalistas que iriam cobrir a primeira partida da final da sula, dos 22, 21, faleceram. Foram 06 da Fox, 04 da Globo, 04 da RBS e 07 das demais rádios.
Das especulações - O acidente pode ter ocorrido por série de falhas:pane de seca ou elétrica.
Como homenagem: O Atletico Nacional de Medellin, reconhece a Chap como campeã da Sulamericana.
Entre as incertezas, modifica-se a lista para a libertadores e sulamericana, além de modificar o quadro atual do rebaixamento da primeirona do brasileirão?

21 novembro 2016

LISTA DAS AGÊNCIAS DO BANCO DO BRASIL QUE SERÃO FECHADAS E TRANSFORMADAS EM POSTO DE ATENDIMENTO EM PE



O Banco do Brasil anunciou nesta segunda-feira (21) que 402 agências serão fechadas, 379 serão transformadas em postos de atendimento e 31 superintendências em diversos municípios serão encerradas. A reestruturação de agências e o plano de aposentadoria incentivada podem gerar uma economia anual de R$ 3,798 bilhões, caso os 18 mil funcionários habilitados optem por deixar o banco em troca de benefícios.

Veja abaixo a relação das agências que serão fechadas em PE:

4998- Cabo de Santo Agostinho – Ponte dos Carvalhos  

5986- Olinda – Peixinhos

1839- Recife – Av. Guararapes

3249- Recife – Pina

3505- Recife – Derby

4712- Recife – Shopping  Boa Vista

8079- Recife – Shopping Rio Mar



Agências que serão transformadas  em Posto de Atendimento em PE:

1058- Escada

2016- Frei  Miguelinho

2213 – Jatauba

2257- Macaparana

2527 – Riacho das Almas

2693- Sirinhaem

3802 – Tuparetama

4077- Vertentes

1363 – Vicencia



Fonte: Banco do Brasil

09 novembro 2016

TRUMP: O REACIONARISMO E A DECADÊNCIA


O republicano Donald Trump ganhou as eleições presidenciais dos Estados Unidos, derrotando a candidata do Partido Democrata, Hillary Clinton, que despontava como favorita em todas as pesquisas de opinião pública e era tida como imbatível pela mídia burguesa, seus analistas de política internacional, acadêmicos e chancelarias mundo afora.

Derrotado também o presidente Barack Obama, apesar do propalado carisma e fabricada popularidade. Os republicanos venceram também as eleições legislativas tanto na Câmara como no Senado.

A campanha foi marcada por uma retórica agressiva, escândalos, acusações pessoais, que expuseram as vísceras de um sistema político vendido como “a maior democracia do mundo”, mas que é de fato decadente e falido, uma plutocracia cada vez mais distante dos princípios democráticos.

Ganhou um magnata, demagogo, populista de direita, sexista, racista, anti-imigrantes, xenófobo, com traços fascistas, o que indica o crescimento de uma tendência de direita acentuada, o aumento da ofensiva contra os direitos dos trabalhadores e do povo, uma manifestação no âmbito político da profunda crise estrutural e sistêmica da sociedade estadunidense, expressão dos impasses do sistema capitalista-imperialista, das incuráveis lacerações da sociedade americana.

30 outubro 2016

RESULTADO ELEITORAL DO 2º TURNO PARA PREFEITO EM PERNAMBUCO

  1. RECIFE
    1Geraldo Julio
    eleito
    Geraldo Julio PSB
    61,30% 528.335 VOTOS
     
  2. João Paulo
    João Paulo PT
    38,70% 333.516 VOTOS
     
TOTAL 971.963 VÁLIDOS 861.851 (88,67%) BRANCOS 33.589 (3,46%) NULOS  76.523 (7,87%)
ABSTENÇÕES 147.282 (13,16%) 
 
OLINDA-PE
 
  1. Professor Lupercio
    eleito
    Professor Lupercio SD
    57,04%120.225 VOTOS
     
  2. Antônio Campos
    Antônio CamposPSB
    42,96%90.558 VOTOS
     
TOTAL 238.460 VÁLIDOS 210.783 (88,39%) BRANCOS 8.053 (3,38%) NULOS 19.624 (8,23%)
ABSTENÇÕES 20.868 (8,05%) 
 
JABOATÃO 
 
  1. Anderson Ferreira
    eleito
    Anderson Ferreira PR
    58,50%171.057 VOTOS
     
  2. Neco
    Neco PDT
    41,50%121.326 VOTOS
     
TOTAL 353.328 VÁLIDOS 292.383 (82,75%) BRANCOS 18.070 (5,11% NULOS 42.875 (12,13%)
ABSTENÇÕES 90.524 (20,40%) 
 
CARUARU
  1. Raquel Lyra
    eleito
    Raquel Lyra PSDB
    53,15%93.803 VOTOS
     
  2. Tony Gel
    Tony Gel PMDB
    46,85%82.679 VOTOS
     
TOTAL 186.824 VÁLIDOS 176.482 (94,46%) BRANCOS 2.891 (1,55%) NULOS 7.451 (3,99%)
ABSTENÇÕES 23.073 (10,99%)
 
 
 
 

DAQUI A POUCO TEM-SE OS RESULTADOS DA ELEIÇÃO PARA PREFEITO DO RECIFE, OLINDA, JABOATÃO E CARUARU

https://3.bp.blogspot.com/-4OrIBkuvLco/WBSq0GgYkBI/AAAAAAABFIo/hXe10_67GXIKklQNznexOoqypVfM3POFgCLcB/s640/Sem%2Bt%25C3%25ADtulo.png

ATENÇÃO MOTORISTAS: VALORES DAS MULTAS DE TRÃNSITO A PARTIR DE NOVEMBRO

ATENÇÃO AOS NOVOS VALORES DAS MULTAS A CONTAR DE 01/11/2016 - LEI Nº 13.281/2016




GRAVIDADE
VALOR ATUAL
VALOR EM 01/11/2016
LEVE
 R$                  53,20 
 R$                             88,38 
MÉDIA
 R$                  85,13 
 R$                           130,16 
GRAVE
 R$                127,69 
 R$                           195,23 
GRAVÍSSIMA
 R$                191,54 
 R$                           293,47 
GRAVÍSSIMA X 2
 -------- 
 R$                           586,94 
GRAVÍSSIMA X 3
 R$                574,62 
 R$                           880,41 
GRAVÍSSIMA X 5
 R$                957,70 
 R$                       1.467,35 
GRAVÍSSIMA X 10
 R$            1.915,40 
 R$                       2.934,70 
GRAVÍSSIMA X 20
 R$            3.830,80 
 R$                       5.869,40 
GRAVÍSSIMA X 60
 R$          11.492,40 
 R$                     17.608,20 

O TÚMULO NA BASÍLICA DO SANTO SEPULCRO, EM JERUSALÉM, PASSARÁ POR UMA RESTAURAÇÃO, DEPOIS DE SER INVESTIGADO POR ARQUEÓLOGOS


access_time 28 out 2016, chat_bubble_outline more_horiz
O túmulo onde o corpo de Jesus Cristo foi sepultado, segundo a tradição cristã, foi aberto pela primeira vez desde 1555, no início desta semana. Pesquisadores da Universidade Nacional e Técnica de Atenas tiveram acesso ao local sagrado, que fica dentro da Basílica do Santo Sepulcro, em Jerusalém, para realizar uma pesquisa sobre a tumba e um projeto de restauração.
O lugar onde Jesus foi supostamente enterrado está coberto por uma edícula com placas de mármore há 461 anos, por isso não era possível ver o interior do túmulo. Depois de retirarem a primeira camada, os arqueólogos encontraram uma pilha de entulho e uma nova pedra de mármore, que será removida para que possam visualizar o que esperam: a caverna de pedra onde o corpo de Jesus teria sido colocado.
O pedido dos pesquisadores de investigarem o local foi aprovado em 2015 pelos seis grupos religiosos católicos, ortodoxos e coptas que regem a basílica, através de um acordo de 1852. Com o fim das investigações, em março de 2017, os arqueólogos devem conduzir a restauração do local.
Segundo a revista National Geographic, que acompanhou a abertura, a análise do túmulo deve permitir que os pesquisadores entendam a forma original da tumba e possam estudar como o ponto de veneração evoluiu ao longo dos anos. “A técnica que estamos usando neste monumento único permitirá que o mundo estude nossas descobertas como se eles mesmos estivessem na tumba de Cristo”, afirmou a pesquisadora Antonia Moropoulou.
A edícula onde fica o túmulo de Jesus é considerada um dos locais mais sagrados pelos cristãos do mundo todo. O lugar foi identificado pela mãe do imperador romano Constantino, Helena, em 326 d.C., que mandou construir a Basílica do Santo Sepulcro.
Santo Sepulcro onde Jesus Cristo foi colocado é restaurado em Jerusalém - 28/10/2016
Santo Sepulcro onde Jesus Cristo foi colocado é restaurado em Jerusalém – 28/10/2016 (Thomas Coex/AFP)

29 outubro 2016

EM PAULISTA: CONFIRA O QUE ABRE E FECHA NO FERIADO DE FINADOS


Por conta do feriado de Finados, apenas os serviços essenciais da Prefeitura do Paulista estarão funcionando na próxima quarta-feira (02.11). O Serviço Móvel de Urgência (SAMU), a Prontoclínica Torres Galvão (PTG), o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) Tereza Noronha e a limpeza urbana irão atender ao público normalmente. 


Devido às comemorações do Dia do Servidor Público, o prefeito do Paulista assinou o Decreto n.º 066/2016 alterando o Dia do Servidor Público. Comemorada em 28 de outubro, a data foi modificada pelo chefe do Executivo municipal para terça-feira (1.º/11). Na segunda-feira (31.10) também é ponto facultativo na cidade devido ao Dia da Consciência Evangélica – instituído pela Lei Municipal n.º 4.326/2013.O expediente nas repartições públicas da cidade retorna ao funcionamento normal na quinta-feira (03.11), às 7h30.

28 outubro 2016

MORRE AOS 70 ANOS O MÚSICO ERASTO VASCONCELOS, IRMÃO DE NANÁ VASCONCELOS ESTAVA INTERNADO NO HOSPITAL MIGUEL ARRAES




Músico tinha 70 anos. Foto: Facebook/Divulgação
Músico tinha 70 anos. Foto: Facebook/Divulgação
O cantor, compositor e arranjador pernambucano Erasto Vasconcelos, de 70 anos, irmão do percussionista Naná Vasconcelos, morreu na noite desta quinta-feira (27), por volta das 21h, em decorrência de uma parada cardíaca. O músico olindense estava internado há dois meses no Hospital Miguel Arraes, em Olinda, em decorrência das complicações de um infarto sofrido no mês de agosto - quando foi levado às pressas para o Pronto-Socorro Cardiológico de Pernambuco Professor Luis Tavares da Silva (Procape), em Santo Amaro.

De acordo com Cenilda Vasconcelos, irmã de Erasto, o músico havia recebido alta da unidade de saúde (Procape) após fazer uma angioplastia, mas precisou ser internado novamente depois de sentir dificuldades para respirar. Conduzido até a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Olinda, ele foi orientado pelos médicos a buscar atendimento no Miguel Arraes. Os familiares ainda não definiram o local e a hora do sepultamento, mas revelaram o desejo de Erasto de ter o corpo enterrado na cidade natal.

Erasto Vasconcelos iniciou a carreira musical nos anos 1960, acompanhando o Movimento Tropicalista e o Clube da Esquina. Morou em Nova York e em capitais brasileiras como Rio de Janeiro e Salvador. No exterior, participou de gravações icônicas, como a dos LPs Stone alliance, com Hermeto Pascoal e Márcio Montarroyos, e Eye on You, com Ronald Shannon Jackson. Tocou ao lado de nomes como Gilberto Gil, Caetano Veloso e Stan Getz e participou de projetos com Alceu Valença, Zé Ramalho e Lula Côrtes. Voltou para o Brasil nos anos 1980 e, em 2005, lançou o primeiro disco solo, Jornal da Palmeira, com 12 composições próprias e produção de Fábio Trummer, da Banda Eddie, com quem Erasto costumava se apresentar. Artistas como Jorge Du Peixe, Pupillo, Dengue e Karina Buhr colaboraram com o disco de Erasto, do projeto gráfico aos vocais. Segundo Fábio Trummer, o álbum foi o único trabalhado no mercado fonográfico, mas não reunia todas as gravações de Erasto. "Ele tinha outras, chegou a fazer vários discos independentes, vários projetos por conta própria. Mas Jornal foi, possivelmente, o único conhecido no circuito comercial", explicou Trummer.

Além de músico, Erasto era também escritor. Escreveu e desenhou, em 1970, o livro Dez cantigas de roda, um maracatu, um afoxé, mas cuidado existe uma cobra, relançado em 2015 com uma edição fac-símile (reprodução exata da publicação original). A obra foi dedicada a Ginga, filha do artista.

Uma das últimas apresentações de Erasto foi no Festival de Inverno de Garanhuns, em julho. O irmão do músico, Naná Vasconcelos, também faleceu neste ano, em março, vítima de um câncer de pulmão. Em entrevistas, Erasto chegou a declarar algumas vezes que não se incomodava com o fato de ser irmão de Naná, dadas as comparações com as habilidades do irmão, mestre da percussão, premiado internacionalmente.

Repercussão
A morte de Erasto Vasconcelos chocou a classe artística pernambucana.

"Um anjo, música em forma de gente. Um poeta, um caboclinho tupinambá. Um Preto Velho, um instrumento, um afoxé inteiro, um gênio, pedra de rio, passarinho, uma estrela de papel celofane rosa grená. Chora o rio, o mangue, o mar, Olinda inteira, 'minha querida Recife, pequena mas porém decente.' Chora todo mundo.", declamou a cantora Karina Buhr baiana radicada em Pernambuco.

"Ficamos sabendo há pouco. Pupillo recebeu a notícia e comunicou ao grupo. É uma enorme perda. Um dia desses Erasto me enviou um livro artesanal de poesias, um livro dele, com escritos pessoais. Era uma figura muito próxima. O álbum dele [Jornal da palmeira] foi muito importante para mim, eu fiz a arte gráfica do disco. Era um álbum muito verdadeiro. Foi um baque grande perder Naná, e agora, no mesmo ano, Erasto. Estamos um pouco desnorteados. É mais uma enorme perda para a cultura pernambucana. Erasto tinha um carisma único, muito forte. Tinha sensibilidade poética e musical únicas. Adentrou com Naná o universo do jazz, era dotado de uma bagagem musical que Brasil não conheceu por completo. Fica a memória de tudo que ele fez.", afirmou Jorge Du Peixe, músico e vocalista da banda Nação Zumbi.

"Erasto foi tão generoso que nos proporcionou a sorte de estarmos todos reunidos nesse momento. Eu sou o único da banda que reside em São Paulo. Mas estamos com show marcado, então os caras estão todos na cidade. Quando recebemos a notícia, eles vieram para a minha casa. Foi uma coincidência reconfortante. Estamos ouvindo coisas dele, lembrando... Não sei se eu queria transformar esse momento em palavras. Há coisas que a gente não consegue descrever. Ele era, antes de tudo, um grande amigo. Porque antes de sermos músicos e trabalharmos juntos, nós somos amigos. Há uma fraternidade por trás disso. Além de dividirmos projetos, de tocarmos juntos, nós tínhamos a afinidade de conseguir compor juntos. Erasto foi quem primeiro deu credibilidade para que nossa banda frequentasse outros territórios da música brasileira. Ele nos ensinou outras dinâmicas, outros ritmos. A Eddie, no início, era uma banda muito associada ao rock, era uma banda chamada de roqueira. Hoje, a Eddie é uma banda de música brasileira. Muito disso nós devemos a ele.", disse Fábio Trummer, músico e vocalista da Banda Eddie.


Por: Eduarda Fernandes
Por: Larissa Lins - Diario de Pernambuco